Diversidade e marketing

Diversidade e marketing

A palavra diversidade nunca foi tão falada e escutada como nos últimos anos. Na publicidade e no marketing é cada vez maior a atenção dada para públicos que antigamente não tinham tanta representatividade como LGBTQA+, mulheres, afrodescendentes e muitos outros mais. Ainda estamos longe da representatividade ideal mas estamos caminhando. Diversidade e marketing, hoje, andam juntos.

 

· Sociedade levanta a questão da diversidade e marketing

Com a tendência cada vez maior em discutir esse tema na sociedade, as empresas precisaram adequar e atualizar seus posicionamentos promovendo uma maior inclusão da públicos tradicionalmente estereotipados ou pouco visíveis nas suas peças e campanhas de marketing. Quem fez isso muito bem é a AVON, inclusive já falamos sobre a estratégia de marketing deles aqui.

 

· Diversidade e marketing: Sucesso comprovado na prática

Estudos e pesquisas comprovam a força da diversidade no marketing e nas vendas.
Segundo um estudo da Forbes feito em 2011 com 321 executivos de multinacionais, 85% dos entrevistados concordam que um ambiente de trabalho diversificado e inclusivo é crucial para encorajar diferentes perspectivas e ideias que impulsionam a inovação na empresa.

Outra pesquisa feita 2015, da consultoria americana McKinsey & Company, mostra que empresas que defendem e implementam a diversidade de gênero tem 15% mais chances de ter uma performance melhor em relação aos seus concorrentes. Já as empresas que defendem e implementam a diversidade étnica possuem 35% mais chances de superarem os concorrentes.

No Brasil os resultados são similares. De acordo com o estudo da Youpper e Netquest feito com 500 pessoas dos 26 principais estados brasileiros e Distrito Federal, as marcas O Boticário, Natura, Coca-cola, C&A e Skol são as que melhor representam a diversidade em suas campanhas publicitárias. Além disso, 73% dos entrevistados acham que é muito importante que as marcas se preocupem com a diversidade das pessoas. Outro dado importante é que 74% do público entrevistado prefere ver nos comerciais pessoas reais, e não modelos padronizados.

 

· Sabia que o casais LGBTQA+ tem maior poder de compra do que casais heterossexuais?

O público LGBTQA+ é cada vez mais um público importante para as marcas. No Brasil, o senso de 2010 do IBGE mostra que, em geral, casais homossexuais possuem maior renda do que os casais heterossexuais. Outro dado interessante é que, segundo a consultoria Out Leadership, o potencial de consumo do público LGBT em 2016 era estimado em R$418,9 bilhões.

Outras estatísticas mostram também que esse público gasta 30% mais em turismo que o público heterossexual, além de gastar mais com produtos de luxo.

Esses dados mostram o quão importante em termos de potencial de consumo é esse público. Além disso, marcar a comemoração de datas significativas e importantes para esse público (Parada LGBT, Dia dos Namorados, Dia Internacional de Combate à Homofobia, etc) reforça os pontos acima de empresa que valoriza a diversidade e pessoas reais.

 

· Olhe para dentro também: Como está a diversidade dentro da sua empresa?

Não vale começar uma campanha sobre diversidade muito bem feita se esse posicionamento não é também defendido internamente. Ter um ambiente de trabalho plural, além de reter talentos, é importante para um ambiente mais inovador, criativo e moderno. A troca de experiências e aprendizados ajuda tanto na comunicação interna como na externa.

 

· Dicas para ser mais inclusivo na sua campanha de marketing:  5 dicas para conseguir implementar diversidade no marketing de maneira bem sucedida

  1. Identifique e estude o público-alvo: quem são, o que querem, quais são seus sonhos e expectativas, quem eles admiram?
  2. Delimite o perfil da persona de comunicação: como irei me portar nas redes sociais dentro do contexto dessa campanha?
  3. Pesquise o mercado: quais são as ações dos concorrentes? Onde há oportunidades?
  4. Tenha empatia e ética: livre-se de pré-conceitos e estereótipos, busque associações positivas e valorize a pluralidade
  5. Dialogue com seu público nas redes sociais: esteja aberto ao feedback sobre a campanha, aprenda lições com essa comunicação e pergunte o que seu público quer.

 

Diversidade e marketing começaram a se integrar cada vez mais. É uma oportunidade para as marcas se posicionarem de maneira construtiva num ambiente de mudança social positiva.

 


Gostou deste artigo? Inscreva-se na nossa newsletter para receber mais notícias!

Artigos Relacionados

ARTIGOS MAIS LIDOS