4 razões para usar o LinkedIn e as redes sociais para contratar

Use o LinkedIn e as redes sociais para contratar

4 razões para usar o LinkedIn e as redes sociais para contratar

Sempre existe um ponto em que algo deixa de ser inusitado para se tornar parte da nossa realidade. Há algum tempo atrás trabalhar para uma empresa exclusivamente de home office era algo pouco comum. Hoje, existem muitas empresas que funcionam nesse sistema, com colaboradores que trabalham remotamente, de diferentes partes do país, ou até do mundo.

Assim como trabalhar em escritórios virtuais já se tornou algo comum, buscar novos funcionários pela internet segue o mesmo caminho. Afinal, o LinkedIn é uma das maiores redes sociais e é voltada exclusivamente para o mundo profissional.

Apesar da internet já ser uma aliada na busca por vagas de emprego há algum tempo, as redes sociais ainda não são tão difundidas na hora de procurar empregos ou buscar novos funcionários. Porém, focar na contratação a partir das redes sociais é estar por dentro das tendências do mercado, já falamos um pouco mais sobre isso aqui. Conheça outros motivos para investir na contratação através das redes sociais:

  1. É a melhor forma de alcançar quem está buscando uma oportunidade de emprego

As redes sociais congregam uma quantidade gigantesca de usuários. Em 2016, 79% dos candidatos eram propensos a usar as redes sociais para buscar vagas, e a tendência é que esse número só aumente.  O LinkedIn, sozinho, possui mais de 467 milhões de usuários, grande parte deles buscando uma vaga.

  1. Mais transparência para os dois lados

O recrutamento por redes sociais também traz o benefício de poder descobrir (mesmo que essa não seja a intenção) algumas surpresas desagradáveis e evitar que isso aconteça após a contratação. 61% dos recrutadores já descobriram algo que não gostaram no perfil de uma rede social de um candidato, e 55% já reconsideraram a contratação baseando-se no que viram. O candidato pode se beneficiar disso também, tendo maior e mais fácil acesso às informações da empresa, além de maior facilidade para estabelecer contato com ela.

  1. Facilita a busca por um perfil específico

As competências e habilidades são apenas uma parte dos requisitos necessários para ser um bom trabalhador. A força de vontade e propósito são fatores que contam muito mais para alguns empregadores. As pessoas que veem o trabalho como mais do que algo para apenas ganhar dinheiro tem um desempenho melhor. O LinkedIn, por exemplo, possui 41% dos seus funcionários com “realização pessoal” como principal fator para seu emprego. As redes sociais são mais um facilitador para avaliar o perfil do candidato e poder perceber o que motiva ele.

Através do LinkedIn é possível ver em que empresas o candidato já trabalhou e onde trabalha atualmente. Isso torna mais fácil achar pessoas que possuam uma determinada habilidade ou característica que você procura para sua empresa.

  1. Aumenta a quantidade de inscrições para a vaga

De acordo com uma pesquisa da iCIMS, anunciar uma vaga nas redes sociais pode aumentar a quantidade de candidatos entre 30% e 50%. Utilizar o recurso de grupos no LinkedIn também é muito eficiente para ajudar a divulgar vagas.

Fica cada vez mais claro a importância das redes sociais para o crescimento e desenvolvimento das empresas. O marketing digital traz uma série de ferramentas para fazer melhor uso da internet e das redes sociais.

Através das técnicas e estratégias corretas é possível obter melhores resultados para ações e campanhas realizadas na internet, inclusive no recrutamento de novos funcionários. Essas tecnologias têm um grande poder, e você deve estar sempre por dentro delas para poder extrair o máximo de seus usos e consequentemente obter excelentes resultados. As possibilidades são muitas, e com o uso responsável e profissional das redes sociais, fica mais fácil atingir os objetivos que você deseja.


Gostou deste artigo? Inscreva-se na nossa newsletter para receber mais notícias!

Artigos Relacionados

ARTIGOS MAIS LIDOS